Buscar
  • Mário de Almeida

Case de Sucesso: o sorvete que minimiza os efeitos da quimioterapia


Hoje queremos compartilhar um case de sucesso em Propriedade Intelectual do Grupo Mário de Almeida, responsável pela elaboração do pedido de patente e pela gestão do trâmite do processo no INPI.


A Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC e a a Ypy Sorvetes celebraram contrato de propriedade intelectual para comercialização do Pro Vita: um sorvete que minimiza os efeitos da quimioterapia em pacientes com câncer.


O sorvete funciona como um complemento alimentar, nutrindo esses pacientes que muitas vezes não sentem fome e não conseguem se alimentar devido aos efeitos colaterais do tratamento, que incluem enjoos, falta de apetite e feridas na boca. Além disso, é indicado como complemento alimentar para pessoas que precisam de alto valor proteico e calórico, como idosos, crianças sem apetite e atletas de alta performance.


O produto dispõe os sabores limão, chocolate e morango em sua composição, além das frutas, azeite de oliva desodorizado, açúcar orgânico, fibra solúvel e proteína. Todos sem lactose e com baixo teor de gordura.


A gestão da Propriedade Intelectual deste pedido de patente é do Grupo Mário de Almeida. Através das empresas Mário de Almeida Propriedade Intelectual e Antonini Invenções, realizamos a elaboração do pedido da patente e gerenciamos todo o trâmite do processo no INPI.


A comercialização do produto renderá grandes benefícios através de royalties à UFSC, conforme informa o secretário de Inovação da UFSC, Alexandre Moraes Ramos: “Serão repassados aos pesquisadores, laboratórios de pesquisa envolvidos e à própria instituição para gerenciar e custear as novas patentes e todo o portfólio de patentes que a Universidade tem”.


A pesquisa que resultou na criação do complemento foi realizada em parceria com o Departamento de Nutrição da UFSC, e as primeiras aplicações do produto ocorreram no Hospital Universitário , com boa aceitação e resultados positivos atestados pelos pacientes. As professoras e pesquisadoras Francilene Gracieli Kunradi Vieira, Raquel Kuerten de Salles e Paloma Mannes foram as responsáveis pelo desenvolvimento do produto, juntamente com Marcelo Baracuhy, diretor de Desenvolvimento de Projetos da YPY.

17 visualizações